Cidade do Vaticano

by Nós por aí | 2018-05-26 | Itália

O Vaticano é uma cidade-estado, isto é, um país independente de Itália. Embora nas suas fronteiras não haja um controlo de documentos existe uma verificação de segurança quanto ao que levamos.

A entrada no Vaticano, a não ser que visitemos os seus museus, leva-nos à Praça de São Pedro.

Praça de São Pedro

Assim que se entra na Praça de São Pedro, atravessando a colunata de Bernini, de forma circular (representando os braços abertos da igreja) e encimada pelas 140 estátuas do mesmo autor, somos apanhados com surpresa pela imponência da basílica, não fosse ela a maior igreja católica do mundo. A escadaria, as colunas, a majestosa fachada e sobretudo a cúpula de grandes dimensões desenhada por Miguel Ângelo.

No centro da praça podemos ver o obelisco egípcio, ladeado por duas fontes, que um pouco mais distantes parecem estar-lhe de guarda.

Fonte e obelisco da Praça de São Pedro

 

Basílica de São Pedro

A imponência da basílica é proporcional à dimensão e número de artistas e arquitectos envolvidos na sua construção: Bernini, Rafael, Bramante, Michelângelo, Peruzzi entre outros.
Assim que entramos na basílica, logo na primeira capela do lado direito, somos oferendados pela Pietá de Michelangelo, de 1498. Atrás de um grande vidro à prova de bala (foi atacada em 1972) encontra-se a mais conhecida Pietá (escultura que representa Jesus morto nos braços da Virgem Maria) do mundo e uma das esculturas mais famosas do artista.

Basílica de São Pedro

Seguindo a nave central da basílica em direcção ao altar-mor “guardado” pelo imponente Baldaquino de Bernini, em bronze, concebido para preencher o vazio por baixo da grandiosa cúpula, sente-se a grandiosidade do templo. Os mármores, as grandes colunas, os relevos, a dimensão das estátuas, os túmulos, o esplendor dos altares e a magnificente cúpula central de Michelângelo.

Baldaquino de Bernini

Em alguns locais da basílica vêm-se no chão tampas metálicas com um gradeamento trabalhado onde, com mais atenção, podemos ver que dá para a parte inferior do templo, onde se localizam as catacumbas.

À saída da basílica podemos ver alguns elementos da Guarda Suiça, a guarda pessoal do Papa, responsável pela segurança do sumo-pontífice.

Elementos da Guarda Suiça

 

italia  Vaticano

País: Vaticano
Idioma: Latim e italiano
Moeda: Euro
Cód.Telefónico: +379
Fuso horário: + 1hora

 


Partilhar artigo:      

 

    #basilica  #bernini  #roma  #vaticano