Anjos e demónios de Dan Brown

Livros que inspiram viagens 

by Nós por aí | 2019-08-12


Independentemente das polémicas (e teorias da conspiração) trazidas com os enredos de Dan Brown, temos de ser justos, os livros são uma fonte de ensinamentos no que diz respeito à cultura e história dos locais e monumentos por onde o argumento nos transporta.

O “Anjos e demónios” é um livro incontornável. As descrições são tão ricas em detalhes que acabamos por ser transportados para Roma.

Livro Anjos e demómios de Dan Brown

Livro Anjos e demómios de Dan Brown

A história começa no CERN (na Suiça) quando um famoso cientista é encontrado morto e o professor de simbologia Robert Langdon (interpretado no filme por Tom Hanks) é chamado para identificar o sinistro símbolo gravado no peito do cientista.

Langdon chega à conclusão que o símbolo é de uma antiga irmandade chamada Iluminatti e que uma bomba de antimatéria poderá estar no Vaticano. É a partir deste momento que viajam para Roma e começa a corrida desesperada para conseguir alcançar a bomba e libertar os cardeais que entretanto foram raptados.

Estes raptos são perpetrados enquanto decorre um enclave em que o Colégio dos Cardeais está reunido para eleger um novo Papa.

Logo que Robert Langdon e Vittoria Vetra chegam ao Vaticano começam uma investigação que os levará a percorrer a cidade de Roma e os impressionantes monumentos e obras de arte.

Fonte e obelisco da Praça de S.Pedro

Ali mesmo no Vaticano temos uma visão geral de alguns lugares como a basílica de S.Pedro, os Arquivos Secretos e a Capela Sistina que podemos visitar a par dos museus do Vaticano.

Nem a Guarda Suiça escapa à descrição histórica do autor. A Guarda Suíça Pontifícia (seu nome oficial) é um corpo de forças armadas mercenárias, de origem suiça, responsável pela segurança do Papa.

Elementos da Guarda Suiça

O segundo local percorrido por Langdon é o Panteão. Um magnífico templo romano, a primeira igreja católica do Mundo, onde está sepultado o pintor Rafael e o primeiro rei dos italianos, Vittorio Emanuel II.

Panteão de Roma

Panteão de Roma

De seguida o romance transporta-nos para a Piazza del Popolo. Outrora um importante cruzamento da cidade, tem um obelisco egípcio com mais de 20 metros de altura dedicado a Ramsés II, transferido do Circo Máximo, onde estava desde o ano 10 a.C., para aqui em 1589.

Piazza del Popolo

Piazza del Popolo

Nesta praça estão a Igreja Santa Maria del Popolo e a Capela Chigi, onde se desenrolam as cenas seguintes. A Capela Chigi foi começada a construir por Rafael e acabada por Bernini em 1656.

Da Capela Chigi o romance leva-nos para a Igreja Santa Maria della Vittoria, muito próximo da praça da República. 

De seguida vamos até à Piazza Navona, símbolo da Roma barroca, é uma das praças mais bonitas da cidade eterna. É nesta praça, que ocupa hoje o lugar onde se situava o estádio de Domiciano no ano 86, que se situa, ao centro a Fonte dei 4 Fiumi (fonte dos 4 rios) (onde é tentado mais um assassínios de um dos cardeais) que representa quatro grandes rios, de quatro continentes: o Nilo na África, o Ganges na Ásia, o Rio da Prata na América e o Danúbio na Europa.

Piazza Navona

Da Piazza Navona o enredo segue para o Castelo de Sant’Angelo, um magnífico forte mandado construir no ano 135 pelo imperador Adriano para seu mausoléu. Mais tarde foi transformado em prisão e em 590 o Papa Gregório I mandou colocar uma estátua do Arcanjo São Miguel no cimo do castelo depois de ter tido uma visão.

A visita pelos locais de “Anjos e Demónios” acaba no passeto di Borgo, um corredor fortificado, mandado construir em 1277,  que liga o Castelo de Sant’Angelo à Cidade do Vaticano para que o Papa pudesse escapar em caso de perigo.

 

Passeto di Borgo

Passeto di Borgo

Em suma, este livro e filme serve de guia turístico, permitindo o desfrutar de locais fantásticos que ao mesmo tempo que os percorremos, ficamos atentos a pormenores artísticos que de outra forma provavelmente não iriamos notar.

livros-que-inspiram-viagens  

País: Livros-que-inspiram-viagens
Idioma: Castelhano/espanhol
Moeda: Euro (EUR)
Cód.Telefónico: +34
Fuso horário: + 1hora

 

Se encontrou alguma incorreção neste artigo, por favor, diga-nos.


Partilhar artigo:    
    #admomondo  #italia  #owtravelers  #roma  #vaticano

 

Para as nossas viagens utilizamos o cartão Revolut