Il Duomo de Florença, catedral de Santa Maria del Fiore

by Nós por aí | 2018-06-13 | Itália

A catedral de Santa Maria del Fiore ou o Duomo de Florença é uma das maiores obras-primas góticas e do início do renascimento.

A sua cúpula, com mais de 100 metros de altura, é uma obra colossal e ainda há bem pouco tempo a sua construção era um mistério.

Para fazer a visita ao interior da basílica tivemos de seguir uma fila, não muito demorada. Logo à partida ficamos desiludidos com o interior. O exterior da igreja contrasta com o aspecto despido e escuro do interior mas logo se muda de ideias quando se está por baixo da cúpula e nos começamos a aperceber dos pormenores.

Cupula

Cúpula

Nós não o fizemos, mas poderá subir à cúpula e contemplar a vista sobre Florença.

Altar

Altar-mor da basílica

Um pouco de história

O início da sua construção data de 1296, com a supervisão de Giotto, sobre as antigas fundações da catedral de Santa Reparada. Para que a basílica chegasse ao que conhecemos hoje passaram cerca de seis séculos, tendo começado no século XII e finalizada apenas no século XIX com a conclusão da sua fachada.

Basílica de Santa Maria del Fiore

Basílica de Santa Maria del Fiore

Uma das fazes mais complexas na sua construção foi a da enorme cúpula. Foi projectada pelo relojoeiro Filippo Brunelleschi que num golpe de génio conseguiu encaixar o duomo na enorme base octogonal irregular (pois as dimensões não estavam uniformes).

Fora da basílica pode ainda visitar-se o campanário de Giotto e o batistério de São João.

Batistério de São João

Batistério de São João

 


Partilhar artigo:      

 

    #catedral  #duomo  #florenca  #italia