Nós por aí
Viajar é ir...
 
 

2022-05-16

Tavira, o Algarve é mais do que praias

Tavira, o Algarve é mais do que praias

 

 

Tags

 

Ao longo de milénios, Tavira foi ocupada por várias civilizações: fenícias, muçulmanas e por fim os cristãos. Durante cerca de 650 anos (até 1910) fez parte do Reino do Algarve, um reino dentro do Reino de Portugal, e foi a primeira localidade algarvia a ser elevada a cidade, em 1520.  Situada no litoral algarvio, em pleno Parque Natural da Ria Formosa, Tavira foi durante muito tempo um importante porto intermédio entre o Atlântico e o Mediterrâneo dando à cidade um grande prestígio e parte da fortuna que ostentava. Hoje, ao visitarmos esta cidade, estamos a reviver também a sua história.

Vista sobre Tavira

Vista sobre Tavira

O castelo é uma boa sugestão de início da visita. Do alto vislumbra-se, praticamente, toda a cidade, do rio até ao mar. Conquistado aos mouros no século XIII, pelos cavaleiros da ordem de Santiago, ainda preserva alguns vestígios dessa época e a torre octogonal é disso um exemplo. Dentro do castelo está a igreja de Santa Maria do Castelo, onde foi sepultado D. Paio Peres Correia (mestre da ordem de Santiago) o conquistador da cidade. Este templo é o resultado da conversão da mesquita aí existente aquando da conquista. Ainda conserva alguns elementos do estilo gótico aplicados na sua transformação em igreja cristã.

Igreja Santa Maria do Castelo

Igreja Santa Maria do Castelo em Tavira

Logo abaixo está a igreja de Santiago, também ela uma antiga mesquita transformada em igreja cristã, deve o seu aspeto actual à reconstrução feita depois do terramoto de 1755.

Igreja de Santiago

Igreja de Santiago em Tavira

 

Museu de Tavira

Palácio Galeria, Museu de Tavira

Outro edifício curioso é o Palácio da Galeria (também perto do castelo) que hoje integra o Museu Municipal de Tavira. Este palácio, de meados do século XVI, que foi galeria (daí o seu nome), era posse de um nobre senhor que tinha vindo do Brasil e o transformou no que hoje se conhece. Aqui podemos visitar exposições de história e património concelhio.

Convento da Graça

Convento da Graça

Ainda nas imediações do castelo, junto ao jardim está o Convento de Nossa Senhora da Graça, convertido em Pousada, fundado pela Ordem dos Agostinhos no século XVI.

Para quem gosta de história e apreciar um pouco de arte, não deve perder a oportunidade de visitar a Igreja da Misericordia, considerada o melhor monumento renascentista do Algarve.

Vale a pena passear pela marginal do rio Gilão, passar pela ponte romana e apreciar a o núcleo histórico da cidade lá no alto.

Mas ali perto também há praias e a do Barril, com o seu extenso areal, é uma delas. O seu acesso pode ser feito a pé ou através de comboio turístico. Nesta mesma praia, encontra-se a antiga Armação de Atum que remonta ao ano de 1842. O seu estado de conservação é muito bom, tendo o espaço sido convertido em área comercial. Próximo da Armação encontra-se o famoso “Cemitério das Âncoras”.

Praia do Barril

Praia do Barril

 

A gastronomia é um ponto interessante,  que deve ser explorado, desde as conquilhas, choco, ao pescado fresco, às papas de xarém não esquecendo a doçaria tipica, como o morgado de figo ou a delicia algarvia, acompanhadas com um licor de medronho.

 

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/u816074467/domains/nosporai.pt/public_html/wp-content/themes/nos/functions.php on line 330
 

Bertrand

Comente o artigo

0 Comentários

segue-nos